header-abradi-sc-redes-sociais

5 dicas para usar bem o seu marketing em redes sociais

12 de agosto de 2015 Categorias (2) Tags (5)

Não importa se você deseja gerar tráfego, aumentar a conversão de leads ou vender produtos. Muito tem se falado sobre as redes sociais e seu poder de espreitar o relacionamento entre pessoas e marcas nos mais diversos contextos.

O fato é que há bons — e inúmeros — motivos para as redes sociais terem conquistado o seu lugar dourado nas estratégias de marketing digital: dinamismo, melhor canal digital de relacionamento com comunicação direta, de via dupla e em tempo real, alto poder de segmentação, plataformas híbridas (acessível em mobile, desktop) e muitos outros.

Enfim, na internet as redes sociais estão no topo da lista dos sites mais acessados por usuários. Citando números, são mais de 2 bilhões de contas ativas em plataformas sociais no mundo e o internauta brasileiro é líder em tempo gasto nas redes sociais, com média de 650 horas/mês gastas nestas plataformas. Uma grande oportunidade para estratégias de marketing digital e branding, não acha?

Com produção de conteúdo qualificado e atualizado, diversas marcas têm conseguido construir relacionamentos mais duradouros e diretos com seu target. Mas você já deve ter ouvido falar disso algumas vezes, inclusive abordamos o assunto no artigo 5 segredos para as agências de marketing digital. Mas aqui não vamos cair na mesmice de repetir o que você já está cansado de saber. Neste artigo vamos tratar de 5 dicas reais para atuar com sucesso nas redes sociais:

  1. Escolha plataformas sociais adequadas à sua marca

É tentador estar em todas as redes ao mesmo tempo. Criar uma conta é (geralmente) gratuito, mas você deve avaliar se todas realmente agregam valor ou são adequadas à sua marca e segmento de atuação. Além disso, você deve avaliar que quanto maior o número de plataformas em que sua marca se fizer presente, maior o custo para produção de conteúdos e o planejamento para manter sinergia entre as ações nestes canais.

Exemplificando: se você tem uma loja de artesanatos ou bijouterias, Pinterest e o Instagram são as melhores opções. Estas plataformas são as que melhor trabalham com fotos e imagens (essenciais para a divulgação desses produtos) e têm grande aceitação pelo target — público feminino e presença de interessados nestes nichos de mercado.

Logo, avalie os investimentos disponíveis e selecione as plataformas de acordo com o tamanho da sua empresa e os objetivos a curto e médio prazo. Afinal, após passar por algumas etapas e crescer, nada o impede de expandir as ações para outras redes.

  1. Era digital ou era visual? Invista no formato

Invista em formatos visuais e mais intuitivos: imagens, infográficos ou vídeos. Segundo dados da pesquisa comScore (2015), as publicações que investem em formatos visuais representam quase 70% das publicações no Facebook (principal rede social no mundo) e têm maior índice de engajamento (83%).

  1. Não afirme apenas, pergunte! As pessoas querem ser ouvidas!

No “Top 10” das publicações divulgadas pelo Facebook em 2014, cerca de 20% das postagens continham perguntas aos seguidores. O retorno foi imenso, com mais de 200 mil ações (entre comentários, curtidas e compartilhamentos).

Twitter, Google+ e Instagram também apresentam índices positivos de feedback em publicações que buscam ouvir o target.

  1. #Hashtags: use, mas não abuse!

No início as hashtags eram um recurso usado apenas no Twitter, hoje o seu uso se expandiu para todas as redes sociais (Twitter, Facebook, Google+, LinkedIn, Pinterest, Instagram…).

A hashtag transforma uma palavra ou termo-chave em um hiperlink, que otimiza, agrega e agrupa conteúdos compartilhados, tornando mais fácil para usuários navegarem sobre um campo de informações. Por isso, essa ferramenta é uma ótima forma de quantificar uma ação, gerar engajamento e agregar pessoas em torno de um determinado tema.

Mas cuidado: o uso excessivo da ferramenta, termos muito complexos ou sem um significado de fácil entendimento (e direcionamento) irritam os usuários, que na rede têm um comportamento bastante imediatista.

  1. Não poste a mesma coisa

Muitas empresas optam por atuar em mais de uma rede social e replicam o mesmo conteúdo por todos os perfis. Essa é uma atitude errada, uma vez que as personas que você quer atrair têm perfis em múltiplas redes e querem ter informações diversas para segui-lo em todas elas. O resultado desse tipo de comportamento da marca na rede será de usuários o seguindo apenas em uma das plataformas, quando deveriam acompanhar a empresa e perceber a sinergia em suas comunicações.

Os conteúdos devem ser adaptados adequadamente e otimizados para as especificidades de cada uma das redes sociais escolhidas. Por exemplo, crie chamadas criativas no Twitter (que limita caracteres) para artigos no seu site. Ou crie um “teaser” postando uma imagem do produto na plataforma e o link para um álbum no Instagram, onde o público poderá ver muitas outras fotos e imagens do produto. Este é um dos erros mais comuns, sobretudo, para pequenas e médias empresas (PMEs).

Gostou desse artigo e quer ficar por dentro das nossas postagens? Comente e não se esqueça de cadastrar o seu e-mail para receber nossas novidades!

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInPin on PinterestShare on TumblrShare on StumbleUponDigg thisFlattr the authorShare on RedditBuffer this pageEmail this to someone
Copyright © 2018 ABRADi-SC
Inbound Marketing:Conteúdo:Imprensa: